Publicado em Deixe um comentário

Como Vender Mais – Não vende nada ou quase nada pela internet?

Paulo, o blog ou site e a presença nas redes sociais que o “meu amigo” a “minha sobrinha” ou “o filho de aquele” me fez, dá retorno 0 (zero). Porquê? Eu vejo lá concorrentes com “atividade”, desde potenciais clientes a solicitarem orçamentos, entre outros. Porque isso não me acontece?!?

Resposta óbvia
Se necessitares de um canalizador, chamas um canalizador?
Se necessitares de um mecânico, chamas um mecânico?
Então…Porque razão não chamas que sabe e tem experiência própria e comprovada no lançamento e gestão de marcas online? Não é o “filho do amigo” que começou a frequentar uma formação de algumas horas em programação, design, por vezes até de iniciação à informática que te vai lançar e gerir uma marca online e/ou offline.

O branding é muito complexo e carece de profissionais com muitas e sólidas valências, entre muitos outros fatores. Porque não contactas empresas ou profissionais que entendem as tuas necessidades e são capazes de te oferecer soluções que funcionam. Não só utilizam os mais recentes produtos e serviços, como tem a experiência de trabalhar com grandes marcas em diversos ramos de atividade e colocam em ação a construção, desenvolvimento, implementação e gestão diária/semanal de programas muito interessantes e que melhoram o desempenho da marca, e em muitas vezes a preços que surpreendem.

Mas o meu orçamento é muito baixo
Existem muitos profissionais que desenvolvem os projetos em part-time.

Conclusão
Se antes se pensava “tenho lá qualquer coisa na internetnet, tenho”, nos dias de hoje é obrigatório “Tenho de liderar na internet”. Lembrem-se que o seu negócio pode ser ameaçado por qualquer empresa do mundo. Eu pessoalmente já adquiri um produto diretamente no site de uma empresa do Reino Unido por menos 35% em relação ao melhor preço que encontrei em Portugal (na internet e diretamente em lojas físicas).

Eu posso ter uma empresa em qualquer ponto do globo e se por exemplo estiver na Europa entre 48 a 72 horas coloco o produto na casa do cliente. Apostem na Internet, porque desde a alimentação, informática, bebidas, peças para automóveis, etc. será banal a compra pela internet.

Refletir
Já pensou que a sua loja por exemplo pode entregar os produtos em 48 horas em qualquer ponto de Portugal? Consegue imaginar o estupendo número de potenciais clientes? Mas, bolas…Quando procuro o que comercializo nem me encontro no google, o que diz o “filho do amigo”? “…pois…tem de gastar dinheiro em publicidade…” O que lhe diz e faz o profissional? “…O seu investimento não será em publicidade, mas sim no meu trabalho de fundo, que ao contrário da publicidade, que só lhe dá uma visibilidade momentânea, a visibilidade do meu trabalho será prolongada pelo tempo”.

Fazer e gerir as marcas online (e offline) é para um mercado global e exige um profissional com conhecimentos globais.
 

Conteúdos textuais pertence a Fonte: Paulo Gomes 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *